“Fazendo poesia, vamos, os delicados”

Por  Gerana Damulakis Kátia Borges não precisa mais de avaliações. Sua poesia já está inserida na literatura baiana contemporânea como uma das vozes mais singulares. Voz enriquecedora, pois que aumenta a quilatagem que a nossa poesia alcança. No implacável conteúdo emocional, nas constatações que procuram a cumplicidade do leitor, a poeta alicia. O segundo livro…

anomalia nos pés

falar algo bem íntimo mostrar os dedos tudo para que não diga sim nada importa agora amar suave anomalia o mundo é dos feios parar ouvir fantasmas olhar seus seios tv ligada no máximo tão perfeitos esses personagens eram calar algo bem íntimo qualquer palavra sã que diga se sinto mesmo se é preciso navegar se basta espiar…

Sol lírico para Joplin

Por João Filho Solidão, abandono, pouco dinheiro e afeto, muito afeto. Pode-se dizer em termos gerais que esses são os temas do novo livro de poemas de Kátia Borges, Uma balada para Janis, que integra a Coleção Cartas Bahianas, da Editora P55. Coleção que se iniciou em janeiro deste ano e já está com 12…

Um sol lírico para Joplin

  Resenha de João Filho sobre a Balada, publicada no Portal Literal. Acabei de receber via e-mail, tinha que postar.

Uns dias

Ficarei uns dias sem postar, concentrada num projeto essencial.  Talvez tenha boas notícias em breve, não sei.

A balada da balada 3

Revi ainda amigos do coração da vida inteira (Franklin Carvalho, com Adauto, Linda Bezerra, com Terê, Adalberto Carvalho e José Eduardo Matos Franco, com Tom). As minhas duas irmãs queridas, Bárbara e Paula Lice. As duas sobrinhas lindas, Mariana e Júlia. O ator Rafael Medrado, namorado de Mari, que chegou mais tarde. O cunhado querido, Marcelo Sousa. Érica, presença essencial, e suas irmãs (Lêda, Sônia,…

A balada da balada 2

Muitos artistas visuais também estiveram na Tom do Saber. Foram festejar Maxim Malhado, quase tão nervoso quanto eu. Valéria Simões, Zuarte, Edgard Oliva… E os colegas de jornalismo, de agora e de sempre. A galera da revista Muito (Nadja Vladi e Priscila Lolata, Ronaldo Jacobina, Marcos Dias, Tatiana Mendonça, Katherine Funke) e do jornal (Ranulfo Bocayuva, Florisvaldo Mattos, Iloma…

A balada da balada

Timidez e ansiedade me fizeram chegar antes das seis na Tom do Saber e beber uns dois uísques no susto. Mas tudo começou a dar certo quando Maria Sampaio, que chegou com Bete Capinan, iluminou o ambiente. Claudius Portugal, que coordena a coleção Cartas Bahiana, já tinha chegado também e ficamos conversando sobre a poesia dos anos…