warjournal00

Ele veio do nada e deu um chute na porta frágil  da casa. Escutei a pancada forte e cobri a cabeça com o lençol. Sabia quem era e o que viria em seguida. Chuva de tiros. Fiquei quieto, golfos ensopando o tecido. Morto, talvez. Quando o silêncio surgiu, breve, fui arrastando o que restara do corpo para fora. Polícia é grave, chegando assim, investigando as coisas. Madrugada do Dias dos Mortos. Um vizinho me puxou pelos braços, estendidos, até me esconder inteiro embaixo da cama. A mancha de sangue, o rastro de sangue? Nada havia. Mais calmo, conferi a pele intacta sobre os ossos.

Anúncios