Há dez dias, entrei pela primeira vez na vida numa sala cirúrgica. Daí o “Madame” estar às moscas. O pós-operatório tem sido doloroso. De licença médica, em casa, ando sem paciência para ler e cansada de cama e TV. Ontem, finalmente, consegui postar um São Jorge (era o dia dele!). Hoje, decidi me aventurar num post inteiro. Mas não quero forçar muito. Não há grandes novidades, como vocês podem imaginar. E nem inspiração. Amanhã, talvez, se as dores derem nova trégua. Hoje, além de postar, até cantei. Canções de Dalto.

Anúncios