Como era sentir saudade quando não existia orkut? Quando não se podia “folhear” um fotolog? Quando não era possível salvar uma foto para colocar no blog? Como era mesmo sentir saudade? Ao longo do ano, Mariana vai me ensinando mais sobre determinação e coragem que sobre saudade. Sobre saudade, eu vou aprendendo sozinha, pobre fada…

Alegria

Já não me incomoda se alguém coloca o olho e espia,pelo estreito buraco da vigia, os meus sonhos.Sou poesiae, se pouca, me conformo:melhor ser um haicai que a “Ilíada”.

Deprê

A raposa nunca deve olhar pra trásenquanto atravessa a grande água,embora possa. Uma pessoa que caminhadeve sempre manter os olhos na linhado horizonte, que é pra ter onde se guiar.Seguir nem sempre é ir pra ondese possa encontrar alguma coisa. Seguir pode ser simplesmente achar no movimento, já, aquilo que se busca.

A doença do século XXI

Graças a uma indicação de Marcus Gusmão, fui até o site da Associação Brasileira do Déficit de Atenção – ABDA e fiz um teste para saber se tinha Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH). O teste não é definitivo, diz o texto do site. Ainda bem. Recomendo a todos uma visitinha, embora considere…

Insônia

A gripe me pegou de jeito esta semana, embora eu tenha conseguido honrar todos os compromissos, incluindo uma ida ao novo shopping. Acabei faltando ao curso da Facom na segunda-feira por causa da febre e dores no corpo. Fui trabalhar todos os dias “na tora”. De manhã, até que dá pra acordar cedo com alguma…

Perdida no shopping

Ontem encarei um grande desafio: fui sozinha ao novo shopping. Precisava pagar umas contas, enfim, arrumei uma boa desculpa e fui. Eu, que me perco a cada ida ao Iguatemi e nunca sei onde fica cada loja, peguei o engarrafamento da via de acesso, estacionei bonitinho no G1, subi duas escadas rolantes e dei de…

Poesia em imagem

O belo, e trágico, registro de Aristides Baptista, publicado na primeira página de A TARDE na segunda-feira, dia 21 de maio de 2007, que mostra o marido e a mãe de uma mulher assassinada no domingo, dia 20, chorando ao lado do corpo.

Poesia em imagens

O vídeo acima foi feito com imagens clicadas por Fernando Vivas. Na minha opinião, ele é, ao lado de Aristides Baptista, um dos mais talentosos e sensíveis artistas da imagem em atividade hoje na Bahia. Confira mais fotos de Vivas no blog Olho da Rua

O jardim

Sempre sonho com árvores,num chão repleto de folhas secas,um outono interno, eterno,anuncia insuspeitas primaveras,e sempre sonho com anjosde asas, de pedra, presos a umaimobilidade assustadora, especialmente,para quem vive na velocidadedas coisas, com a quietude à espreita.

Duas ou três coisas sobre a blogsfera

Hoje encontrei o “licurito” Marcus Gusmão por acaso. Pessoalmente, diga-se, já que virtualmente estamos sempre juntos. E conversamos sobre as boas amizades que nascem na virtualidade, na blogsfera, e que só existem dentro dela, já que raramente temos oportunidade de desenvolvê-las fora deste espaço que é um não-espaço. Tive uma grata surpresa também esta semana,…