Um dia, quando formos
mais dos álbuns que de nós,
juro, te conto do que eu ria
naquela foto em Paquetá.
Você nem me conhecia
em detalhes como hoje,
ainda não, mas eu sabia,
eu sentia, ia durar.
Uma cigana me disse,
meses antes, “vai durar”.
O hexagrama do I Ching, 17,
“seguirá”. E eu, em sonhos, pressentia,
coisa que nem Freud explica,
aquele dia em Paquetá.

Anúncios